Então chega o momento de conquistar a tão sonhada independência financeira e a forma escolhida é abrir um restaurante. Muitas pessoas falam que abrir um negócio é muito fácil, porém, o difícil é mantê-lo. Sem dúvidas, essa é uma grande verdade.

Para empreendedores de primeira viagem, ou mesmo para aqueles que já possuem experiência, mas não estão conseguindo perceber seus erros, existem algumas questões que podem acabar com a reputação e o sucesso do negócio. Acompanhe o artigo e descubra!

5 erros que acabam com um restaurante

1) Deixar de estudar o mercado

Quando um restaurante está em pleno funcionamento e com o sucesso desejado e, muitas vezes, até mais do que isso, é importantíssimo não se contentar apenas com o já conquistado e achar que o trabalho está todo feito.

Estudar o mercado, as novas técnicas de divulgação e marketing, além de descobrir novas ferramentas, é extremamente importante para estar conectado com os clientes das mais diversas faixas etárias e classes sociais.

Caso essa pesquisa não seja feita, é certo que em algum momento, o sucesso começará a diminuir e o público poderá desaparecer sistematicamente.

Nada é limitado ou estático e a constante inovação tecnológica deve ser acompanhada de forma vigorosa e dinâmica por todos os gestores e empreendedores de um negócio. Não deixe de estudar tendências gastronômicas e sempre ouvir a opinião de seus consumidores!

2) Funcionários despreparados

Muitos estabelecimentos prestam somente os treinamentos básicos para seus colaboradores, ou pior ainda, acham que por um funcionário ter experiência, saberá exatamente como proceder com o atendimento. Esse é um erro gravíssimo!

Afinal, um ambiente é sempre diferente do outro e o serviço vai muito além de servir pratos e ser simpático. O fato é que a grande maioria das pessoas prezam por além da boa comida, o atendimento dos funcionários.

É baseado nisso que as avaliações e indicações serão feitas de forma positiva. Se possível, preste treinamentos mensais aos funcionários, faça reuniões com a equipe e incentive sempre a melhoria, utilizando metas e bonificações.

Ensinar boas práticas e estratégias de atendimento, causam uma ótima impressão sobre o restaurante e são ótimos diferenciais competitivos.

3) Descuido com o principal – a comida

Muitos empreendedores sonham em ter um restaurante famoso e referencial de qualidade em todos os aspectos. Por mais que ter esse sentimento e vontade de crescimento seja ótimo, é preciso não desperdiçar energia somente nesse pensamento.

É preciso ter foco e ir melhorando aos poucos os aspectos que forem possíveis no momento, como a embalagem dos produtos, o site, a estética do menu e do local, etc. Além disso, uma das principais características que o foco deve estar voltado é na qualidade do alimento.

De nada adianta um ótimo atendimento, ambiente maravilhoso e redes sociais impecáveis, se a comida é ruim.

4) Agradar a todos

Mesmo que seja extremamente importante conquistar a clientela, é impossível agradar a todas as pessoas. Mesmo recebendo as opiniões de clientes que mutias vezes querem ajudar na melhoria do estabelecimento, é preciso saber filtrar muito bem tudo o que é percebido, a fim de não se desviar do real objetivo.

É preciso, sim, que o restaurante agrade seus clientes, ou, pelo menos, uma grande parte deles, mas não adianta criar a ilusão de que será possível fazer a vontade de todos. Afinal, tudo foi pensado e planejado durante muito tempo, logo, o empresário sabe o que deve ser feito. Ouça as sugestões, mas sempre siga o plano e não desvie do objetivo!

5) Precificação incorreta

É preciso colocar um valor justo em cima dos pratos que são servidos. Para isso, é preciso seguir os seguintes passos:

  • Calcular o custo dos ingredientes utilizados;
  • Colocar no papel os gastos fixos do restaurante;
  • Definir uma margem de lucro a ser atingida;
  • Apurar os impostos.

Dessa forma, fica muito mais fácil colocar um valor justo para o cliente e para o restaurante e, assim, ninguém sai perdendo. É importante saber que, com o passar do tempo, o cliente tem se modernizado e hoje em dia está muito mais atento aos preços que são cobrados por produtos e serviços.

Logo, se ele achar que o preço está abusivo, ele irá, sem dúvida, reclamar e procurar outro lugar que apresente uma melhor relação entre custo e benefícios.

Como corrigir esses problemas

Procure sempre informações e novidades, tente sempre aprender com empreendedores que tiveram sucesso em seus negócios. Investir em especializações e cursos, é uma ótima forma de começar. Além disso, ficará muito mais fácil encontrar uma solução com calma e sensatez para o caso de algo dar errado.

Como falamos, as sugestões são sempre bem-vindas e devem, sim, ser ouvidas. Porém, mais importante do que isso é não desviar dos objetivos iniciais e de seu “cliente alvo”. Evitar se preocupar com coisas supérfluas é essencial para atingir um nível satisfatório no restaurante.

A música ambiente e a cor do guardanapo são, sim, importantes, mas não são o foco principal. Foque primeiro na qualidade da comida e do atendimento e, depois, invista em outros aspectos.

Outrossim, tenha sempre um plano com uma estimativa de todos os resultados que são esperados atingir a curto, médio e longo prazo, mesmo que durante o percurso seja necessário alterá-lo. O planejamento não deve ser feito somente em cima do que o restaurante visa atingir em lucro e rentabilidade.

Esse planejamento deve focar em, também, na evolução gastronômica do local, a qualidade do serviço, aumento e treinamento da equipe, etc. Além disso, o gerenciamento de um restaurante deve ser feito de forma clara, sem nenhuma dúvida que possa atrapalhar o caminho.

Além disso, esse gerenciamento deve ser feito de forma muito bem pensada, sendo indicado contar com alguma equipe de marketing e finanças. Investir em uma consultoria para ajudar nos primeiros passos e, até mesmo, na continuidade dos serviços, é muito melhor do que somente abrir as portas do restaurante e esperar que os clientes cheguem de forma mágica.

É sempre preciso estar atento e analisar, também, a concorrência. Dessa forma, é possível buscar inspirações (jamais cópias) e adaptá-las de uma forma mais efetiva para o seu restaurante. Afinal, cada negócio é único e deve ser tratado como tal.

Quer saber mais informações que podem auxiliar o seu restaurante a crescer cada dia mais? Continue a leitura em outros artigos do nosso blog.